terça-feira, 25 de outubro de 2016

Homem-Aranha - Entre Trovões - Christopher L. Bennett



Sinopse

Nunca foi segredo para ninguém que J. Jonah Jameson usasse o Clarim Diário para seus ataques ao Homem-Aranha; e, por mais que o Amigão da Vizinhança se esforce, sempre será uma ameaça segundo a opinião pública. Mas as coisas tomam novas proporções a partir do momento em que a vida de Peter Parker vira do avesso e pessoas muito próximas sofrem as consequências. Enquanto Manhattan é devastada por frequentes ataques, o herói tem de enfrentar a engenhosidade de robôs movidos por um só intuito: acabar com sua vida. Como se não bastasse, o sentido-aranha alerta que o aracnídeo não pode confiar nem mesmo em Mary Jane e na adorável tia May, e tudo aponta somente em uma direção: JJJ.
A busca por respostas pode custar a vida do herói, e vilões como Electro estão dispostos a garantir isso.


Resenha

Cada vez curto mais essa coleção da Marvel publicada pela Novo Século. Cada livro tem um estilo diferente, mas todos os que li me agradaram muito, seja pela escolha das histórias, pela qualidade da escrita, pela profundidade que dá aos personagens dos quadrinhos, algo que só a literatura pode proporcionar, e também pelos aspectos gráficos. A narrativa se alterna entre a vida doméstica de Peter Parker, com Mary Jane e Tia May, as intrigas do mundo jornalístico, na qual JJJ destila seu ódio contra o Homem Aranha e muitas cenas de ação, nas quais o nosso super herói trava uma batalha solitária contra um exército de robôs que surgem do nada e causam os maiores estragos por onde passam. Homem Aranha não sabe quem está por trás desses ataques e começa a investigar, tendo como suspeitos seus arqui inimigos.

Encontramos um Peter Parker mais amadurecido, trabalhando como professor de biologia e casado com Mary Jane. É curioso acompanhar a intimidade do casal, a maneira como eles conciliam suas vidas com suas outras atividades. Mary Jane com sua carreira artística e Peter com sua vida complicada vida de super herói. Um casal que leva essa realidade nada convencional com muita boa vontade, apesar dos atritos ocasionais que ela pode gerar. Mas o melhor são as cenas com Tia May, que nos presenteia com toda a sua sabedoria em diálogos edificantes e muito bem escritos.

Mas, apesar de mais amadurecido, o Homem Aranha não perde seu bom humor. O autor conseguiu reproduzir com eficácia toda a irreverência do herói, com suas deliciosas tiradas. JJJ também está impagável nesse livro. Sua rivalidade com o Homem Aranha rende ótimos momentos. O editor está mais neurastênico do que nunca, fazendo de sua rabugice um perfeito contraponto com o bom humor do super herói.

Os únicos momentos chatos do livro são, ironicamente, as cenas de ação nas quais o Aranha enfrenta os robôs. Como o próprio herói diz, é tedioso enfrentar máquinas, pois não dá para provocá-las com piadinhas durante o combate. Os maçantes detalhes técnicos sobre robótica, também colaboram para dar uma empacada na leitura. Sem falar nas constantes disgressões sobre o funcionamento do sistema de teias do Homem Aranha. Porém são pequenos detalhes que não prejudicam o livro como um todo. Excelente opção para uma leitura leve, cheia de referências à saga do Aranha, o que é o deleite para quem acompanha os quadrinhos, mas que não aliena quem conhece o personagem apenas através dos filmes. Mais um título da coleção que me encantou.



5 comentários:

  1. Olá Ronaldo! Adoro ver filmes de super heróis mas nunca tive a oportunidade de ler suas histórias. Deve ser legal entrar nesse mundo através de narrativas que nos dão detalhes... Ótima resenha como sempre!

    Abraço!
    http://SORTEIO NO EVENTUAL OBRA DE FICÇÂO/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses livros são uma ótima maneira de conhecer melhor o mundo dos super heróis.

      Excluir
  2. Cara, eu desisti de comprar esse livro após eu ler a sinopse, não queria aquela histórinha do tio ben que morre num assalto e blablabla me cansa. O homem-aranha sempre será meu super herói favorito da vida, mas eu queria histórias novas com o personagem. Eu sou apaixoando pelos dois filmes O espetacular homem-aranha e toda essa saga dele deveria parar por ali mesmo kkkkkk eu amava o ator que interpretava, agora colocaram um moleque, jamais verei no cinema aff

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas essa é uma história nova, que se passa muitos anos após a morte de Tio Ben. Quanto ao Tobey Maguire, ele é realmente insuperável como o Aranha. Abraços.

      Excluir
  3. O que me chamou atenção foi o fato de ser um livro.Só conheço o Homem Aranha das HQS.Nem os filmes lançados nos últimos tempos eu assisti.Parace ser interessante essa coleção de livros que eu nem sabia que existia.Abraço

    ResponderExcluir