quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Compras da Bienal 2016


A Bienal é o momento mais esperado por nós, que amamos ler. Depois da primeira a gente vicia, tanto que no ano passado não aguentei esperar e fui também na do Rio. Mas, apesar de tão aguardada, achei a bienal meio caída esse ano. Nem mesmo peguei fila pra comprar o ingresso. Por um lado foi bom, pois a quantidade reduzida de pessoas tornou o trânsito lá dentro mais fácil. Detesto lugares lotados, com gente empacando na minha frente, pessoas que não olham para a frente, esbarram em você e ainda te xingam. Mas dessa vez não teve nada disso, pelo menos nos dias que eu fui.

Ir à bienal em busca de preços baixos é uma furada. Além dos absurdos R$ 25,00 de ingresso, os preços dos livros não são nada especiais. Com exceção da Record, que deu até 30 % de desconto em vários livros, inclusive lançamentos, os estandes estavam enfiando a faca no nosso bolso. A salvação foram aqueles saldões, pois apesar de numa primeira olhada você só ver aqueles livros encalhados, fuçando bem encontra-se muita coisa boa. 

Achei O Bispo de Steven James numa super oferta. Os livros desse autor são bem caros, por isso compensou, mesmo eu sabendo que esse volume vai ficar um bom tempo na fila, já que é o penúltimo da série e eu até agora só li o primeiro. 

Sou muito fã da Irmandade da Adaga Negra, apesar daquelas cenas hot ridículas, mas havia desistido da série pelo fato desta ter se tornado cada vez mais chata a partir do nono volume. Mas não resisti ao chamado do rei, nem ao ótimo preço e decidi dar mais uma chance aos irmãos.

Preces e Mentiras era um livro que eu já namorava há tempos e paguei um preço que nem nos sebos eu encontraria. Só foi difícil achar uma edição bonitinha, pois a maioria estava com as capas manchadas por algum defeito de impressão.


Mas não é só no fim de feira que passei a bienal. Visitei praticamente todos os estandes e me permiti um pouco de ostentação. A começar por pagar R$ 19,90 em O Adulto. Nem sei porque gastei essa grana num livro tão fino, comprei num impulso. Achei bacana a Intrínseca ter lançado esse conto individualmente, para que os fãs da Gillian Flyinn possam reunir a coleção completa de sua obra toda padronizada, mas deveria. comercializa-lo num valor menor.

A Novo Século arrebentou com uma promoção de seus títulos de novelizações da Marvel. Estou curtindo muito essa coleção e escolhi Homem Aranha, Entre Trovões. A Novo Século também estava com marcadores transbordando das prateleiras, coisa que não vi nos outros estandes.

Depois de ouvir muita gente se debulhar com a Jojo Moyes, meu amigo Guto do blog Consumindo Sagas é um que enche o saco falando dessa autora, resolvi conhecer seu texto. E como quero ler o livro antes de ver o filme, optei pelo mega sucesso Como Eu Era Antes de Você.

A DarkSide não teve estande próprio, mas encontrei alguns de seus livros num outro e comprei o tão aguardado Fábrica de Vespas, livro que levou 32 anos para chegar ao Brasil, que fala sobre um psicopata juvenil.


Quanto as atrações, foram poucas esse ano. A estação do Harry Potter foi o que mais se destacou, houve novamente o trono de ferro, de Game Of Thrones e o espaço da Turma da Mônica estava lindo. Muitos youtubers e poucos escritores de verdade. Até houve a presença de alguns autores que gosto, mas as datas não coincidiram com os dias que fui. Porém, tive o prazer de reencontrar meu querido Vitor Bonini, sempre simpático. Como não levei o livro, pois ele já o autografara em outra ocasião, o Vitor revirou o estande à procura de um exemplar sem etiqueta de preço para tirarmos a foto. Fica a dica para alguns autores metidos a estrelas que se recusam a posar ao lado de quem não compra seus livros.


Entre pontos positivos e negativos a bienal é sempre uma festa. É muito bom estar cercado de milhares de livros e encontrar pessoas que entendem sua loucura. E agora resta aguardar mais dois anos ou economizar uma grana para ir novamente na do Rio ano que vem.

17 comentários:

  1. Encho o saco UMA OVA kkkkkkkkkkkkk zoera!!!! Cara, as leitoras do blog me perturbam horrores sobre a Jojo Moyes rsrs eu preciso postar resenhas dos livros dela se não perco meus 300 seguidores tudo de uma vez só kkkkkkkkkkk. Fente eu amei seus marcadores, eu não tenho nenhum de super heroi são maravilhosos!!!!!!!! E os preços são sempre ridiculos em certos livros, esse O ADULTO eu nunca pagaria por 59 páginas, não tem condições. Eu estou fazendo a festa no submarino neste exato momento, porque eles colocaram os livros da dark side por 22 reais kkkkkkk vou comprar uma trilogia completa, um deles custava 59 e está por 22 estou morrendo aqui.... seria muito incrivel ir para a bienal, mas não foi dessa vez infelizmente....abraçossss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma pena mesmo que você não tenha podido ir. Mas não perdeu muita coisa. Quanto aos marcadores, me passe seu endereço pelo skoob que te mando alguns.

      Excluir
    2. Cara, seria incrivel mas vc deve ter pego só alguns!!!!!!!!! (Ou se vc pegou pelo menos um de cada repetido eu super vou querer kkkkkkkkkkkk)

      Excluir
    3. Peguei pelo menos cinco de cada, a caixa até riu quando pedi pra ela guardar na sacola. kkkk Manda os dados de entrega lá no skoob, que eu te envio.

      Excluir
  2. Confesso que fiquei com vontade de ler Como Eu Era Antes de Você. Às vezes, é bom ler algo mais leve, principalmente, quando a gente acaba lendo tantos livros sombrios. Não fui à Bienal este ano :( Quem sabe nos encontramos em alguma bienal da vida.
    Abraços
    Blog do Ben Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho tentado dar uma variada, mas é difícil com tantas leituras pendentes. Tente vir na próxima, pelo menos a da minha cidade eu não costumo deixar de ir. Abraços.

      Excluir
  3. Olá Ronaldo!!
    Nunca fui a Bienal!Fica muito longe de onde moro.
    Tenho muita vontade de ir.
    Desses livros que adquiriu o único que já li foi Como Eu Era Antes de Você,o qual gostei tanto que já li vários livros da Jojo Moyes.
    Um que me chamou atenção aí foi O Bispo,sobre o qual já vi vários comentários.
    Fábrica de Vespas querendo também ehehe!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Olha, eu gostei da ideia do conto O adulto ser lançado, mas o preço é de um livro normal. Que assalto.
    Agora, o fábrica de vespas eu quero bastante ler, acredito que mês que vem eu compro o meu.
    Tua resenha do livro da Jojo tem que ser muito boa para me convencer a ler ...hahaha

    Abraços

    naciadelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Rafael, você tem um gosto bem parecido com o meu, espero que eu goste do livro o suficiente para te convencer a lê-lo.

      Excluir
  5. Te confesso que quando fui a bienal do Rio,fiquei bem traumatizada. Achei os preços dos livros exorbitantes,e fui em um dia péssimo... Tenho certa fobia por lugares tumultuados demais,e foi exatamente isso que encontrei!
    Acho legal ir em um evento desse,quando é para conhecer autores ou para participar de algum debate.

    Bem,que bom que tenha conseguido comprar os livros que pretendia. Tenho muita vontade de ler Fábrica de Vespas e o livro O Bispo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra eu enfrentar um lugar assim, só por algo de que eu goste muito, como os livros.

      Excluir
  6. Morro de vontade de conhecer a Bienal, mas já tenho noção que tenho que ir muito bem $$$$preparada$$$$ pra conhecer tudo. Também confesso que nunca pagaria 20 reais por 59 páginas, mas também tô de olho nesse livro pra completar a minha coleção dos livros da Gillian Flynn com as capas no mesmo estilo <3 Ah, e já li Preces e Mentiras, mas não gostei :/ A escrita até que era boa, mas a história ia fluindo e fluindo o livro todo, sem realmente apontar pra um desfecho, pra mim não houve evolução da história, um marasmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena que não tenha gostado tanto de Preces e Mentiras, mas é bom saber, assim não guardo muitas expectativas.

      Excluir
  7. Como eu queria ir a bienal, mas não rolou, ouvi dizer que os livros estavam caros mesmo, nossa Adulto é muito fino achei que era maior hahaha não sei porque, dos livros que você adquiriu eu quero Como eu era antes de você e já estou praticamente desistindo de ler a saga da irmandade da adaga negra.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os preços desanimam mesmo, mas mesmo que for pra comprar pouca coisa, vale a pena ir.

      Excluir
  8. Como moro longe só fica na vontade de ir até a Bienal, ultimamente com essa febre de livros de youtubers fiquei até sem vontade de comparecer, na minha opinião eles não escrevem nada que seja relevante.
    Fez boas compras, é aquele negócio, tem que procurar bem para encontrar algo que compense, mas no fim tudo dá certo.
    O preço do ingresso é bem caro, podia ser mais acessível, bacana a atitude do Vitor, provando que um escritor de verdade quer estar sempre próximo do leitor.

    ResponderExcluir